Opinião: Descobri que te Amo | Ann E. Cannon

SINOPSE: Ed, um rapaz normal e entediado, tem um trabalho de Verão numa loja de aluguer de vídeos e DVD, onde o seu crachá de identificação diz chamar-se «Sergio». A única distração de Ed são os seus dois melhores amigos: Scout e Ellie, e o sobredotado Quark.

Mas tudo muda quando a rapariga dos seus sonhos entra na loja onde trabalha e a vida parece ganhar outra cor. Ed sabe que não tem a menor possibilidade com ela, mas, quem sabe, talvez Sergio tenha. Para tal, basta-lhe fazer de conta que é um atraente e sedutor brasileiro durante o resto da vida. Simples, não é? Só que nada é assim tão fácil…

Divertidíssimo do início ao fim, Descobri que te amo tem todos os ingredientes das comédias românticas, as mesmas personagens (aparentemente) baralhadas e o indispensável final feliz. Descrito como um conto de fadas dos tempos modernos, o livro retrata o amor durante os difíceis anos da adolescência e as peripécias de quatro amigos inseparáveis.

Eis um livro leve e divertido para aqueles dias em que nos apetece ler, mas não sabemos bem o quê, nenhum género literário em específico, ou mesmo para combater aquelas horríveis ressacas literárias que aparecem depois de lermos um livro esmagadoramente emocionante e ficamos como que "bloqueados" para começar outras leituras, por ainda estarmos tão ligados à leitura anterior. Claro que isso vai depender do gosto individual de cada um, mas para pessoas como eu, que leem um pouco de tudo, este tipo de leituras é o ideal.




É uma leitura género jovem-adulto carregada de darma e humor adolescente, tem uma narrativa muito fluída, com a típica crise existencial adolescente e drama pessoal, romantismo tolo e algo cliché, mas não é - muito - lamechas, o que para mim é óptimo, com umas nuances de introspectividade, além do humor e ironia que eu aprecio bastante.

Na verdade, chega mesmo a ser uma história bonita, acima de tudo uma história de amizade e superação, é uma daquelas leituras que me deixa bem disposta e com um sorriso no rosto, pois é impossível não me fazer recordar a minha própria adolescência através destas personagens tão caricatas.

Nostálgico e divertido.
👉🏻 Wook | Bertrand 👈🏻

Sem comentários:

Enviar um comentário

★ Todos os comentários são muito importantes, são o que dão vida a este blog. Obrigada por comentar e assim fazer parte deste espaço! ★
↧↧ ↧↧ ↧↧
✉ Para receber a minha resposta, clique ✔ em Notificar-me ☑