Opinião: O Dia em que os Lápis Desistiram | Drew Daywalt

Prémio Red House Melhor Livro Infantil | Prémio Children’s Choice Book Awards
SINOPSE: Os lápis de cor também se zangam. O lápis preto está cansado de ser usado apenas para desenhar contornos, o azul já não aguenta pintar mais oceanos, e o amarelo e o laranja já nem sequer falam um com o outro, pois cada um reclama ser a verdadeira cor do sol. E agora? O que vai fazer o Duarte?

Já muito tinha ouvido falar deste livro que pertence ao nosso PNL, que tanto furor faz junto dos mais pequenos, e agora entendo o motivo!

É super divertido, com ilustrações divertidíssimas, e ainda tem a componente pedagógica que, acima de tudo, mostra como não devemos de descriminar pela cor, nem nos devemos deixar influenciar pela pressão social em que: sempre foi assim, assim será.

Não. Os tempos mudam, a sociedade evolui e apesar de a nossa ainda ter muito que evoluir - no que diz respeito em seguir pelo bom caminho e respeitar os direitos humanos e as diferenças de cada um - já se nota alguma evolução positiva.

O menino usar azul e a menina cor-de-rosa, isso é coisa do passado, cada um usa aquilo que quer usar, e pode escolher usar o rótulo da sociedade ou ser simplesmente quem é.




É uma leitura carregada de humor e originalidade, excelente para ler e reler e inspirar. As crianças, após ler este livro, vão querer imediatamente meter as mãos às obras e experimentar as cores todas dos lápis de cor e/ou canetas!


Super recomendado!

👉🏻 Wook | Bertrand 👈🏻

Sem comentários:

Enviar um comentário

★ Todos os comentários são muito importantes, são o que dão vida a este blog. Obrigada por comentar e assim fazer parte deste espaço! ★
↧↧ ↧↧ ↧↧
✉ Para receber a minha resposta, clique ✔ em Notificar-me ☑