Opinião: As Leis Fundamentais da Estupidez Humana | Carlo M. Cipolla

As cinco leis que confirmam o nosso maior receio: a estupidez humana vai governar o mundo.
SINOPSE: Desde tempos imemoriais, uma poderosa força negra tem impedido o crescimento do bem-estar e da felicidade humana. É mais poderosa do que a Máfia ou a Milícia. Tem efeitos catastróficos globais e pode ser encontrada em qualquer lugar. Esta é a força imensamente poderosa da estupidez humana.

Carlo M. Cipolla, notável professor de história económica, criou um modelo de vital importância que nos permite detetar, conhecer e neutralizar esta ameaça: As Leis Fundamentais da Estupidez Humana. Simultaneamente hilariante e mortalmente sério, este livro irá prepará-lo para realidades políticas desconcertantes, colegas irracionais ou a desgraça desenfreada de jantar com os sogros.

Este livro é um dos livros mais interessantes, divertidos e inteligentíssimos que eu já li (e reli!) na vida!

De uma forma muito inteligente, neste livro encontramos história, filosofia, matemática, aritmética, sempre no contexto da estupidez humana, é incrível... Só vos posso dizer que ler este livro foi um alívio para a minha revolta para com a estupidez cada vez mais degradante a que eu assisto diariamente na nossa sociedade, havendo cada vez menos desculpas para isso. 

Se a taxa de analfabetismo se mantivesse como há 70 anos atrás, ainda era como o outro, mas agora em que temos, LITERALMENTE, a informação - e também desinformação, mas pronto... - na ponta dos dedos, basta um telemóvel com acesso à internet, qual a desculpa para haver tanta estupidez generalizada? Pura e arrebatadora falta de cultura?

Já para não falar das bibliotecas públicas, pelo menos no nosso país, há cada vez mais, até mesmo em locais mais remotos, são cada vez mais comunitárias e interactivas, mais diversificadas, mais repletas de novos livros, actividades e novidades, portanto: não há perdão! 




Então, ler este livro fez-me avaliar este tema sob várias perspectivas e acalmou um pouco os meus anseios. Não reduziu a minha tristeza por a humanidade ser como é, mas sinto-me mais aliviada sempre que tomo o conhecimento de causa de um determinado tema que eu não compreendo.

Qualquer pessoa, de qualquer idade, cultura ou religião ficará regalada com esta leitura, mas quanto mais lia, mais me ia lembrando de pessoas com quem já tive o enorme prazer de ter conversas muito cultas e ricas, normalmente mais velhas do que eu, porque segundo a minha mãe, eu sou uma "alma antiga", e sempre me dei melhor com pessoas de mais idade, então lembrei-me de bibliotecários/as, professores/as, vereadoras/as, editores, seguidores, entre outros com quem já tive o prazer de conversar, e provavelmente nunca ouviram falar deste livro, e este livro é rico em conteúdo de temas de muitas das nossas conversas, e eu sei que vão adorar! 

Outro local onde este livro tinha feito furor era nas minhas aulas de filosofia, dava debate para muitas horas...

Recomendo sem reservas, é um livro original e divertido, carregado de deliciosa crítica social, uma ironia intrínseca humana mirabolante, que nos enche de cultura e gargalhadas! Imperdível!

«Uma pessoa estúpida é o tipo de pessoa mais perigosa que existe. Pág: 51»

👉🏻 Wook | Bertrand 👈🏻

Sem comentários:

Enviar um comentário

★ Todos os comentários são muito importantes, são o que dão vida a este blog. Obrigada por comentar e assim fazer parte deste espaço! ★
↧↧ ↧↧ ↧↧
✉ Para receber a minha resposta, clique ✔ em Notificar-me ☑