Opinião: O Lutador de Sumo que Não Conseguia Engordar | Eric-Emmanuel Schmitt

Do outro lado das nuvens há sempre céu
SINOPSE: Selvagem e furioso, Jun vagueia com os seus quinze anos pelas ruas de Tóquio, longe de uma família da qual se recusa a falar. O seu encontro com um mestre de sumo que o vê como gordo apesar do seu corpo emaciado, envolve-o na prática da mais misteriosa das artes marciais. com ele, Jun descobre o desconhecido mundo da força, inteligência e aceitação de si próprio.
Mas como alcançar o zen quando não há nada além de dor e violência?
Como tornar-se um lutador de sumo se não se consegue engordar?
Na populosa metrópole japonesa, o ancião Shomintsu guiará o jovem por um caminho iniciático que, misturando infância e espiritualidade, também acompanha o leitor à fonte do budismo.


Juro que não tirei a foto deste livro com o meu avó em fundo a simular um lutador de sumo de propósito, eu já estava a tirar fotos ao livro a tentar arranjar uma boa quando ele se meteu à minha frente e esta saiu, só quando estava agora a escolher a melhor foto para meter aqui no blog é que reparei na ironia! (*>▽<*) E agora assim fica pois acho que está mesmo a combinar, nem de propósito!

E falando em ironia, dela está este pequeno livro carregado e também de humor, drama, esperança, raiva, violência, amor e emoção numa miscelânea filosófica e introspectiva...


É muito fácil de ler, é daqueles livros que se lê em menos de uma hora, mais um conto do que um romance, daquelas histórias que nos aconchega o coração, uma crua mas bonita lição de vida, sentimos em nós a evolução do escanzelado Jun, um jovem de 15 anos desgostoso e revoltado com a vida, até ao dia em que Shomintsu, um idoso cheio de estaleca se cruza com ele dizendo que vê um gordo nele... e isso, o que significa?... é ler para descobrir ;)

👉🏻 Wook | Bertrand 👈🏻

2 comentários:

  1. Este livro deve ser muito interessante. Efectivamente existe muita gente com excesso de peso, que não consegue emagrecer, mas também existem muitas pessoas com a situação inversa, que querem engordar e não conseguem... Estou bastante curiosa para o ler.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, mas neste caso a questão do "vejo um gordo em ti" é mais filosófica, e há um motivo pelo qual ele não consegue ganhar o peso e forma de que precisa para ser um lutador de sumo, mas é mais emocional do que físico e é isso que é fascinante neste conto :)

      Eliminar

★ Todos os comentários são muito importantes, são o que dão vida a este blog. Obrigada por comentar e assim fazer parte deste espaço! ★
↧↧ ↧↧ ↧↧
✉ Para receber a minha resposta, clique ✔ em Notificar-me ☑

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.