Opinião: O caderno dos sonhos | Julien Sandrel

O amor de uma mãe não desiste
SINOPSE: Thelma é mãe solteira de Louis, um adolescente de 12 anos. Como todas as mães, faria tudo pelo seu filho, mas as solicitações de uma vida profissional exigente sobrepõem-se mais vezes do que seria desejável aos pedidos de atenção do jovem.
Numa fatídica manhã, tudo muda: irritado com a falta de atenção da mãe, zangado e desiludido, Louis acelera no seu skate e, poucos metros adiante, é colhido por um camião. No hospital, o prognóstico é pouco animador. Louis está em coma e não há sinais de recuperação. Thelma enfrenta o seu pior pesadelo. Em casa, enquanto reúne algumas coisas do filho, Thelma encontra um caderno onde Louis tem vindo a registar os sonhos que gostaria de concretizar. A mãe decide, então, viver por ele cada um desses sonhos.
Talvez recupere. Talvez volte para ela. E, se não voltar, Louis terá pelo menos vivido pelas histórias da mãe a vida com que sempre sonhou.
Uma história comovente sobre amor, família, esperança e, acima de tudo, sobre o que é realmente importante na vida.


Li este livro em poucas horas, é daqueles livros que apesar de ser uma leitura dramática, de deixar especialmente as mães leitoras com o coração nas mãos, consegue com uma enorme sensibilidade tornar-se num livro de aventuras, uma comédia dramática, com uma boa dose de introspecção.

Um livro que tanto nos eleva à condição adolescente, como à condição de meia idade e ficamos embrenhados no vórtice abismal que há entre gerações, abismo esse que muitas vezes leva a que se vá perdendo o mais importante: as essenciais ligações familiares, a forma como por vezes abdicamos da família em prole da nossa realização profissional, a forma como nos deixamos consumir pelo rancor, até ao dia em que acontecimentos trágicos mudam completamente a nossa vida e a nossa forma de a viver...

É uma leitura leve, um drama humorístico, narrado de uma forma muito fluída, com Paris como plano de fundo, mas também outras partes do mundo pelo meio, irá sem dúvida roubar sorrisos, suspiros e até umas lágrimas aos mais sensíveis. (╹◡◠)

👉🏻 Wook | Bertrand 👈🏻

Sem comentários:

Publicar um comentário

★ Todos os comentários são muito importantes, são o que dão vida a este blog. Obrigada por comentar e assim fazer parte deste espaço! ★
↧↧ ↧↧ ↧↧
✉ Para receber a minha resposta, clique ✔ em Notificar-me ☑