Um Blog entre... A Comic Con Portugal 2018 | O almoço entre andanças

Continuando com a minha visita à Comic Con Portugal 2018, cuja primeira parte está neste post, aqui vem a segunda parte, com algumas andanças por aqui e ali e a pausa para o almoço...

↪ Esta publicação está elaborada de forma a que: primeiro mostro a foto, e imediatamente abaixo faço os meus comentários, apresentações ou elaboro algum texto relacionado com a foto. A forma de ler esta publicação (e todas as minhas outras do blog) é: Foto - Texto - Foto - Texto, ... Podem clicar em cima das fotos para as verem com mais detalhe ↩

Herdeiros do Apokalipse: Ultrapassada a barreira dos 500 espetáculos em 13 anos de atividade, a companhia Custom Circus dá a conhecer ao grande público, desta vez fora dos palcos, as 4 estéticas que caracterizam o imaginário dos seus shows e das quais são precursores em Portugal: Cabaret Rock, SteamPunk, Bizarre Chic e DieselPunk.
Esta exposição pretende mostrar um imaginário que “esperemos nunca venha a acontecer. Visto pelos olhos dos nossos descendentes, aqueles que poderão vir a ser os Herdeiros do Apokalipse”, conta a companhia em comunicado.
Trata-se de uma exposição que pretende convidar o público a observar a sua arte e a visitar os seus abrigos estruturais à deriva num mundo amnésico em ruínas, onde apenas objetos perdidos e vestígios industriais surgem como testemunhas do passado. 
“O que tomamos como garantido pode vir a ser efémero se não tivermos cuidado. A vida será sempre uma experiência onde somos apenas cobaias do presente. Hoje estamos à espera que a Terra volte a ser verde mas esperar não basta, é preciso agir. Grandes conflitos marcaram a nossa história, o próximo poderá marcar o fim". Fonte: Oeirasdigital

Já tinha ouvido falar dos Herdeiros do Apokalipse, então lá fui eu. Como é um espaço muito apertado e tinha pessoas sempre rentes a mim, as fotos não saíram lá grande coisa, porque a minha claustrofobia começou a dar um bocado de si, então isto foi o melhor que consegui...










Depois foi sair da carrinha e entrar numa sala semi-escura, em que mais uma vez não fui capaz de dar grande definição às fotos, mas como fiz pelo menos dois vídeos da visita, por ser mais fácil, visto que havia muitos sons e cores e objectos a mexerem-se, depois de os editar partilho convosco, de momento aqui fica uma pequena amostra do que encontramos aqui...







Isto é o vídeo de uma sereia, mas parece mesmo um aquário, com uma sereia a mexer-se lá dentro...










Depois no vídeo vai dar para compreenderem melhor esta giríssima e original exposição :)


Depois, lá continuei eu nas minhas andanças, a ver o que iria aparecer a seguir, pois a Comic Con é um mundo de surpresas e inesperados...




Quem não levava Cosplay, podia alugar, vi preços bastante convidativos, tipo a 10€ o aluguer, mas não vi nada alusivo ao Harry Potter, nem nenhum outro que eu quisesse representar...



Lá apanhei eu o Serg Loki a ser maquilhado... não sei porquê, mas fiquei desiludida em vê-lo a ser maquilhado... pensei mesmo que fosse tudo arte dele, como já vi tantos cosplayers a vestirem-se e a auto-maquilharem-se com resultados fascinantes, porque assim... tipo... eu também me podia sentar ali e vestir-me e ficava logo com um cosplay brutal, mas pronto... há-de ter a sua lógica de ser...



Do vestido gostei, mas esse já não era tão barato e sinceramente eu queria mais andar a explorar do que andar a dar espectáculo, mas se depender de mim, para o ano, como já não é estreia e vou mais à vontade e confiante, vou dar o espectáculo todo, porque me senti muito triste por não poder ter feito o meu cosplay, que eu adoro tanto... Até para o trabalho vou mascarada no Halloween, tenho de pedir autorização e tudo para o fazer, mascaro-me sempre que posso, e no maior evento a seguir ao Carnaval para nos mascararmos, não fui! Ai ai....


O chapeleiro louco, adoro! Há certas personagens que eu queria tirar foto mais de perto, mas depois lá mudavam de sítio ou iam à sua vida antes de eu chegar, e não consegui melhores fotos, porque também não quis estar a chegar-me ao pé do pessoal, que já estava a ser super assediado, "vira-te para a foto!" Então deixei andar... =P


Ariel e Johnny Bravo!






Tal como em todas as minhas viagens, tenho de vos mostrar algo que raramente se vê (por acaso nem nunca vi) nos outros posts sobre viagens, que é: "onde ir à casa de banho, de preferência sem se pagar?" Bem, aqui era perto da entrada, do lado esquerdo.




As casas de banho portáteis da Feira do Livro de Lisboa eram melhores, mas estas serviam para o efeito, apesar de, uma vez lá dentro, não haver espaço nem para dar uma palmada a uma mosca! =P






Então, quando começou a bater a fome, lá comecei eu à procura de uma barraquinha para comer, e o que não faltava ali, sem dúvida, eram barraquinhas para comer...




O problema eram os preços praticados... É sempre o mesmo nestas coisas, já se sabe, mas há coisas que não têm jeito nenhum de ser...












Este era o mais barato de todos...






Depois de perguntar se aceitavam multibanco num e noutro, nenhuma aceita, só MBWay (que eu ainda não atinei com isso) ou numerário... Então lá andei eu à procura de uma caixa multibanco. Havia duas, perto da entrada, no lado direito.



Depois de andar de um lado para o outro pelo menos duas vezes, a ver se encontrava algo original ou barato para comer, como já estava cansada e com fome, lá fui eu para o familiar, mas em vez de ir para o bolo do caco que é o que tenho andado a experimentar nestas andanças, fui para o "baquinha".


E aqui está a ração servida...


Lá arranjei uma mesa para me sentar...
Até que estava bom, mas para o preço praticado, batatas do pacote (lays, menos mal), ainda por cima poucas, e para o que é, na minha opinião, o preço é demasiado inflacionado...


Tanta mesa num espaço tão grande, e apesar de, tudo bem, eu só levava um cachecol e gravata dos Gryffindor, mas serviu para fazer alusão ao que eu queria fazer, e encontrar "pessoal de Hogwarts" aqui não foi muito comum, mas imaginam vocês quem é que se teve de sentar ao meu lado, e por acaso, na foto que tirámos depois todos em grupo, também lá se foi meter ao meu lado?

Já me estava a ser díficil ser original, no entanto poucos potterheads se viam e lá aparecia eu com grande cachecol, até que, de repente estavam quase sempre (as mesmas) à minha volta, e com o cosplay completo, ou seja, eu parecia uma fraca imitação, mas acham que me ralei? Nem um bocadinho, até achei piada e para a próxima quem vai mandar estilo sou eu! =P

Ainda não sei como, de quê, quando e se, mas vontade não me falta, logo se vê.

Nos póximos dois posts que ainda me faltavam sobre esta minha visita à Comic Con vou mostra-vos os famosos que vi e conheci, eventos e apresentações a que fui, e o mais delicioso lanche que me lembro de comer (e barato!).

Até já ;)

8 comentários:

  1. Um evento onde há tanto para ver. Fico à espera de ver o teu "estilo" :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hahah xD Vamos lá ver do que me vou lembrar na altura! ;)

      Eliminar
  2. Tão giro! Na próxima vais mandar estilo, yess xD

    ResponderEliminar
  3. Comic Con ao mudar do Porto para Lisboa, deixo de ir...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu até acho que o mais justo seria andar pelo país fora, em vez de ser fixo num lado ou noutro, para dar hipóteses a toda a gente do país de poder ir e participar...

      Eliminar

★ Todos os comentários são muito importantes, são o que dão vida a este blog. Obrigada por comentar e assim fazer parte deste espaço! ★
↧↧ ↧↧ ↧↧
✉ Para receber a minha resposta, clique ✔ em Notificar-me ☑