[Passatempo Terminado] Os Provocadores de Naufrágios | João Nuno Azambuja

14 de setembro de 2018



aniversário é do blog, mas as prendinhas são para vocês, caros leitores e seguidores!
Já viram este passatempo fantástico?

Baseada em factos reais, esta é a história de Klaus Kittel, um alemão portuense que combateu na Segunda Guerra Mundial. 
Um homem mergulhado numa época de pesadelo, de guerra, morte e ditaduras. Uma Europa destroçada, de onde surge uma história improvável, mas verdadeira, feita de viagens e fintas ao destino. Kittel foi sempre perseguido pela crueldade humana. Em criança, expulsaram-no de Portugal. Em adulto, viveu os bombardeamentos aliados e fugiu ao Exército Vermelho. Passou pela grande depressão, assistiu à ascensão de Hitler e discursou para a elite do Partido Nazi. Depois da guerra, é preso. Sobrevive aos campos de prisioneiros, onde milhares de homens encontraram a morte. Mas consegue fugir, com o que talvez seja uma misteriosa ajuda de Álvaro Cunhal. Foi escravo, soldado, marido.

Para se habilitarem a ganhar, terão de:
 Fazer gosto na página Guerra e Paz
☑ Fazer gosto na página Um Blog entre Bibliotecas
☑ Seguir este blog
 Partilhar esta publicação do passatempo, em modo público numa rede social
 Comentar, nesta publicação do passatempo no blog, a resposta à seguinte questão:
"Costuma usar a biblioteca pública da sua cidade? O que mais gosta, e o que menos gosta na sua biblioteca?"
☑ Preencher o ☛ Formulário ☟


❥ Podem participar UMA vez por dia, sendo que em cada nova participação terão de fazer nova partilha e inserir o novo link no formulário
❥ Mínimo de um comentário com a resposta para validar a participação
(mas podem comentar todas as publicações que quiserem, todos os comentários são bem-vindos ;) !) 

Tutoriais auxiliares onde ensino como podem fazer para participarem em passatempos:
Tutorial onde ensino como seguir blogs: ☛  aqui.
Tutorial onde ensino como copiar links de partilha pública: ☛  aqui.

❥ Só serão válidas as participações que cumpram todos os requisitos do passatempo
❥ O vencedor será escolhido aleatoriamente (random)
❥ Apenas para residentes em Portugal e Ilhas. O blog e a editora não se podem responsabilizar por extravios por parte dos ctt
❥ As participações serão aceites até às 23:59 do dia 30 de Setembro de 2018
Boa sorte!! 

71 comentários:

  1. O que mais gosto na Biblioteca aqui da Vila é da simpatia das pessoas que nos atendem e adoro requisitar livros e doar livros

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fico muito feliz em saber!! :D Boa sorte! ;)

      Eliminar
  2. Olá
    Já fui frequentadora da Biblioteca aqui em Estarreja e da de Ovar mas actualmente não.
    Tenho demasiados livros aqui em casa à espera de serem lidos!
    Abraço
    Teresa Carvalho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Por acaso as únicas visitas que tenho feito às bibliotecas ultimamente são isso mesmo, visitas, porque de facto para requisitar (e já tenho uma boa lista de livros que pretendo requisitar!) não tenho requisitado nada...
      Mas tenho doado muitos, e por ai já eu tenho (espero!) sido útil para as bibliotecas e os seus leitores :D

      Eliminar
  3. Eu costumo requisitar livros na biblioteca e já doei alguns também. Gosto do espaço em si, é muito calmo e acolhedor.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fico sempre contente por saber que há mais pessoal "doador"! :D Boa sorte! ;)

      Eliminar
  4. Não costumo usar a biblioteca da minha zona (por isso, não posso dizer o que mais gosto ou o que gosto menos), mas já lá fui. Quando lá estive foi para fazer uma troca de livros (trouxe uns e deixei o mesmo número de livros lá). De qualquer forma, do que vi, além do espaço ser muito bonito, pareceu-me muito bem organizada e com bastante diversidade de livros e não só.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ah, mas se a tua biblioteca for aquela que eu penso, que fiz uma visita à uns tempos, é lindíssima e cheia de livros fantásticos e boas novidades! ;)

      Eliminar
    2. É essa, sim :) (De Cascais). Eu li o teu post sobre a tua visita :)

      Eliminar
    3. Ah, é uma biblioteca maravilhosa!! ❤ Quem me dera que fosse a minha...

      Eliminar
  5. Boa noite, Liliana! Não frequento a Biblioteca do local onde resido (Santiago do Cacém) porque não tem novidades nenhumas. Eu frequentava muito a Biblioteca Municipal de Beja (local onde nasci e vivi até aos meus 30 anos), mas desde que me mudei perdi esse hábito. Actualmente prefiro ter os meus próprios livros e ler o que me apetece de momento e durante o tempo que eu quiser, sem ter a obrigatoriedade de devolver os livros ao fim de "X" tempo, independentemente de os ter terminado.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, esse é o problema de muitas das bibliotecas, o facto de não terem novidades apelativas e as "novidades" serem livros que já saíram há alguns tempos, mas infelizmente a maior parte das bibliotecas não tem verbas para comprar livros, quanto mais novidade....
      No entanto há outras que têm novidades acabadinhas de sair do mercado, ou por terem verbas maiores, ou mesmo por serem doações de particulares...

      Daí eu já ter feito a verdadeira diferença em algumas bibliotecas, por doar livros que saíram há um par de meses e depois eu vou ver no catálogo online e são no imediato requisitados, nem param nas bibliotecas =P

      Eliminar
  6. Não costumo usar a biblioteca pública da minha cidade.Frequentava bastante a da escola preparatória,até ajudei a renovar e a catalogar todos os livros :-D Hoje em dia ,faz anos que não vou a uma biblioteca.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ohhh... Tem de fazer uma visita à sua biblioteca da zona de residência, além de livros pode ser que tenha actividades e workshops apelativos e quem sabe se não fica fã! :D

      Eliminar
  7. Olá :)

    Por acaso, este ano passei a adquirir o hábito de ir à biblioteca local. Passei a fazê-lo porque esgotei os livros que tinha para ler em casa e também já tinha lido basicamente tudo o que familiares e amigos tinham. Solução prática a de ir à biblioteca, uma vez que tem uma variedade enorme de livros, a uma distância muito curta de minha casa, e sem quaisquer custos. Não tenho nada de negativo a apontar!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uau!!! Isso é fantástico, fico muito feliz! ;)

      Eliminar
  8. Sim, costumo frequentar a biblioteca pública da cidade do Funchal, mas acho-a muito carente.

    Os títulos são restritos, e não encontro a maior parte dos livros (mesmo os mais antigos) de que ouço e que me interessam.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, foi precisamente por encontrar esse problema com frequência nas bibliotecas, inclusive na da cidade onde estou a viver que eu comecei este blog/projecto, é uma situação difícil....
      AS bibliotecas sem verbas (nem boas doações) não conseguem ter um espólio apelativo, sem espólio apelativo, as pessoas perdem interesse e acabam por perder o hábito de ir à biblioteca e inclusive de leitura :(

      Eliminar
  9. Por acaso não tenho frequentado a biblioteca de Cascais, porque tenho muitos livros em casa. Mas se calhar, vou pensar em doar alguns livros para lá.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fico muito contente por pensar em fazer uma doação a essa fantástica biblioteca, que eu fui visitar este ano (a visita está aqui publicada no blog), as doações vão ser muito bem recebidas e também o Pedro, pois é só pessoal simpático nessa biblioteca! :D

      Eliminar
  10. Confesso que sou pouco assídua á biblioteca...não obstante estou a tentar criar a minha em casa :-P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh, que pena :/ Nem pelas actividades que a sua biblioteca possa disponibilizar?
      As bibliotecas são muito associadas ao requerimento de livros, mas têm tantas coisas a oferecer!
      Livros, cd´s, dvd´s, jogos, workshops, passeios, apresentações de livros e autores, ... um mundo! :D

      Já a minha biblioteca em casa é algo diminuta (se bem que estou a precisar urgentemente de outra estante) porque depois de os ler, e emprestar a amigas, eu doo os livros TODOS que tenho, e então deixei de ter tantos livros e tantas estantes, e a minha "biblioteca" são as bibliotecas todas as que eu doei livros, agora habituei-me a isto e não quero outra coisa, se bem que na minha casa, NUNCA falta a presença de livros, pois estão sempre a chegar =P

      Eliminar
  11. Eu costumava frequentar mais assiduamente do que hoje em dia. Gostava muito do ambiente de tranquilidade, e o que menos gostava talvez fosse a disposição de algumas mesas lá no espaço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, esse é um aspecto muito importante na maior parte das bibliotecas, além de tudo o que nos oferece, aquele espaço repleto do cheiro a livros, a paz, o sossego, o silêncio, ... é maravilhoso! <3

      Eliminar
  12. Não costumo ir à biblioteca para pedir livros (não consigo ler todos os que tenho em casa) mas para passear nos jardins. É em Sintra e está num local com uma vista maravilhosa para o palácio.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso mesmo, a biblioteca não é só uma casa que empresta livros, oferece muito mais e em muitas o próprio espaço (como a bela Sintra!) só por si já vale a pena visitar, tanto para passear, como para conhecer ou mesmo para reflectirmos e estarmos um pouco connosco próprios naqueles espaços únicos e bem cuidados, é fantástico... :)

      Eliminar
  13. Eu costumava frequentar a Biblioteca da minha zona (Biblioteca Municipal de Torres Vedras), um espaço calmo e acolhedor. O Atendimento era impecável. Tinha uma bela seleção de livros e de filmes.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esta biblioteca ainda não conhecia, vou explorar! ;)

      Eliminar
  14. Não costumo frequentar a Biblioteca daqui, porque ainda tenho muitos livros aqui na estante para ler. Apenas frequentei quando andava a estudar.

    ResponderEliminar
  15. Não costumo usar a biblioteca pública da minha cidade.

    ResponderEliminar
  16. A minha biblioteca é a Biblioteca Municipal de Beja - José Saramago. Costumo frequentá-la sobretudo para ir a eventos que lá ocorram, não tanto para requisitar livros porque sou muito possessiva com eles e tenho infinitos por ler. De qualquer forma é uma excelente biblioteca que vai sempre tendo as novidades. Apenas poderia sugerir algumas melhorias quanto à manutenção do edifício, pois já vai acusando os anos (foi aberta em 1993).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já ouvi falar muito bem desta biblioteca, estou ansiosa por a ir conhecer, quando tiver oportunidade! :D
      Fico muito feliz por me deparar com uma pessoa que usa a biblioteca não exclusivamente para requisitar livros, mas para desfrutar do mais que elas têm para oferecer, como os eventos! <3

      Eliminar
    2. Apesar de ser no interior, já passaram por cá nomes muito interessantes nos últimos anos: Teolinda Gersão, Afonso Cruz, José Luís Peixoto, Gonçalo Cadilhe, Gonçalo M. Tavares, Sandra Barão Nobre, o dizedor de poesia Pedro Lamares.. Ultimamente só falhei o Bruno Vieira Amaral, com muita pena minha. E não esquecer as maravilhosas noites de contos e as Palavras Andarilha e o Festival de Contos do Mundo, igualmente organizadas pela biblioteca! :D

      No meu blogue vou colocando umas coisitas sobre isso: https://ashoras-quemepreenchem.blogspot.com/search/label/a%20minha%20cidade :)

      Eliminar
    3. Boa!!! :D Excelentes iniciativas, adoro!
      Vou dar uma olhadela a esses posts! ;)

      Eliminar
  17. A participar e partilhar! :)

    Costuma usar a biblioteca pública da sua cidade? Não, mas tenho muitos livros que já não leio (Enciclopédias, dicionários, livros técnicos, etc...) e pensei em doá-los à biblioteca, mas não faço ideia se os aceitariam e se seria uma boa opção, pois também não sei se não os metem num canto ou no lixo... :/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. No lixo elas não metem, essa é uma ideia errada, tanto que a partir do momento em que as bibliotecas aceitam livros doados, passam a fazer parte do espólio, e para serem "abatidos" levam com burocracia em cima, e têm de haver um bom motivo para o abate, e normalmente é se o livro já não tiver salvação por estar em estado deplorável...
      Agora, se acontecer os livros serem já antigos, ou a biblioteca ter vários exemplares do mesmo, podem ficar guardados em armazéns próprios ou serem distributivos por instituições ou iniciativas literárias (cabine de leitura, por exemplo) ou até serem oferecidos pela biblioteca, ficando numa mesa à entrada da biblioteca para quem os quiser levar com bom gosto :)

      Eliminar
  18. De vez em quando uso a Biblioteca Municipal da minha cidade, onde aliás (numa outra mais antiga) já fui funcionário. O que mais gosto na actual, é as instalações modernas e confortáveis; o que menos gosto, é o BARULHO feito por uma ou outra funcionária e que permitem que crianças (acompanhadas por adultos) façam barulho de mais, causando muito incómodo a quem está a ler ou a estudar. E, o mais grave, é que ninguém põe cobro a isto!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso é que é pior :( Se há coisa que me desconserta é entrar numa biblioteca em que o silêncio não impera.... Eles têm livros de reclamações de certeza, já fez alguma? Tem é de haver pelo menos uma pessoa a começar para eles começarem a dar importância, se ninguém faz nada elas vão-se deixar andar, porque outra coisa que me revolta é funcionários, seja em bibliotecas ou onde for, que por não terem zelo no trabalho, prejudicam a instituição em si... :(

      Eliminar
  19. Sim. O que mais gosto é o silencio, o que menos gosto é o horário de fecho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Infelizmente há bibliotecas que têm horários muito limitados... :(
      Mas já se tem notado aqui e ali que já estão a começar a mudar esses sistema, para começarem a estar abertos a horas de mais fácil acesso, não fecharem para a hora de almoço, e estarem abertas aos sábados o dia todo, em vez de meio dia ou nem sequer abrirem, esperemos que seja para continuar com estas boas mudanças...

      Eliminar
  20. Respostas
    1. Nem que seja pelas actividades que a biblioteca oferece, eventos literários, apresentações de livros, ... vale sempre a pena ir lá fazer uma visita ;)

      Eliminar
  21. Não costumo frequentar a Biblioteca daqui, porque ainda tenho muitos livros aqui na estante para ler

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ah, mas as bibliotecas oferecem tanto mais do que apenas livros para ler... ;)
      Eventos, workshops, filmes, música, todos os periódicos diários, ...

      Eliminar
  22. O Que menos goto a rigidez de horários...o que mais aprecio o silêncio e a sua localização no parque da Vila

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, lá está aquela questão dos horários em algumas bibliotecas que são tão pouco úteis e flexíveis... :/
      Felizmente que isso está a mudar aos poucos e poucos! :)

      Eliminar
  23. Confesso que não sou frequentadora da biblioteca pois infelizmente o tempo de trabalho não permite dar uma fugida até lá e trabalho alguns fins de semana por isso, aos pouco, vou comprando os livros de que gosto aproveitando sempre as promoções (claro) e vou fiando orgulhosa nas minhas estantes!!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Termos a nossa própria é sempre maravilhoso, no entanto frequentarmos as nossas bibliotecas, nem que seja para um evento de vez em quando, especialmente para apoiarmos os nossos autores portugueses, também é maravilhoso ;)

      Mas compreendo bem a questão do tempo, as limitações horárias de algumas bibliotecas, especialmente as que fecham cedo e/ou não abrem pelo menos aos sábados, eu mesma chego a ficar meses sem meter um pé numa biblioteca... :/ As últimas a que tenho ido é mesmo para fazer a visita (e a doação que levo sempre de presente) para publicar no blog...

      Eliminar
  24. Não, infelizmente não tenho por hábito usar a biblioteca da minha cidade. Costumo trabalhar em casa ou no meu espaço profissional.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. As bibliotecas não servem só para trabalhar, servem, além para requisitar filmes, séries, filmes, cds de música, etc, para consultar revistas e jornais, participar em workshops, eventos literários, ... :)

      Eliminar
  25. nao uso muito, as vezes uso mais a biblioteca digital

    ResponderEliminar
  26. O que mais gosto nas Bibliotecas da localidades onde vivo e onde trabalho é da simpatia das pessoas que nos atendem e a possibilidade de experimentar ler autores que de doutro modo, não conheceria. Adoro requisitar livros, participar/assistir nas iniciativas de lançamento de obras literárias e teatros e histórias infantis.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ah, fico tão contente com uma resposta assim! :D
      Que haja quem aproveita tudo o que a biblioteca tem para oferecer! :)
      Também é algo que me encanta nas bibliotecas, descobrir autores que provavelmente de outra forma nunca conheceria, foi assim que conheci a autora preferida de toda a minha vida, Lesley Pearse ♥

      Eliminar
  27. Olá! Costumo frequentar a biblioteca. Duas, aliás! Mas nenhuma no concelho onde vivo (Sintra). Frequento a de Carnaxide (Oeiras) que foi onde cresci e a do Palácio das Galveias (Lisboa) pois trabalho perto. O que mais gosto, além dos livros é a facilidade com que hoje em dia se reserva um livro, online e depois é só passar por lá. o que menos gosto é o limite de tempo para ler os livros!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade, agora é uma maravilha nas bibliotecas que têm essa funcionalidade, requisitamos o livro online depois é só ir lá levantar! :D A questão do tempo nem sempre dá jeito, às vezes conseguimos ler um livro num dia ou dois, outros não, mas há sempre a possibilidade de estender o prazo por mais uma vez, e em algumas bibliotecas até por mais duas vezes, sendo que podemos estender o empréstimo até um total de mês e meio, o que já é um prazo muito bom ;)

      E em algumas bibliotecas até podemos fazer a renovação online e tudo, vamos à nossa conta, metemos renovar por mais x tempo e já está! :D

      Eliminar
    2. Ah, relativamente a essas bibliotecas, ainda só conheço a de Sintra (pois eu vivia na linha de Sintra), a de Oeiras e a de Galveias, que pelos vistos está muito "in" infelizmente ainda não pude conhecer, mas estou a tratar disso! =P

      Isso é que é diversidade de bibliotecas, que maravilha!! <3

      Eliminar
  28. Infelizmente não tenho o hábito de ir à biblioteca... Mas posso dizer que o que mais gosto nela é de estar bem localizada, disponibilizar vários géneros de documentos e de realizar bastantes eventos e actividades, nomeadamente com crianças e com as escolas do concelho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fico muito feliz em saber que a sua biblioteca é um importante apoio para a comunidade!! :D

      Eliminar
  29. Eu costumava ir a uma biblioteca pública da Amadora quando andava na escola. Na altura o que eu gostava mais era atenção e simpatia das pessoas que nos atendiam. O que menos gostava era por vezes o horário que fechavam.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nunca fui à biblioteca da Amadora, a minha primeira biblioteca foi a biblioteca do Cacém :D

      Eliminar
  30. Costumo usar as bibliotecas para estudar, sendo o silencio o que mais gosto pois me permite concentrar. Também gosto muito da verdadíssima quantidade de livros que possui sobre os diversos assuntos e temas.

    ResponderEliminar
  31. Neste momento não costumo frequentar bibliotecas, prefiro ou ler em casa, ou num banco de jardim a passear ao ar livre. O que mais gostei das bibliotecas onde ia (Penacova e Coimbra) era do silêncio pela paz que me transmitia. Sempre sonhei ter uma casa com uma sala repleta de estantes com livros, talvez por isso as bibliotecas me dessem tanto conforto. Agora preciso de ler os que tenho em casa e mantenho o sonho :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também sonhei em ter uma biblioteca em casa, cheguei a alugar uma casa com uma divisão exclusivamente para isso, mas depois comecei este projecto de doação de livros às bibliotecas, comecei a despegar-me da sensação brutal de posse e vício de os ter ali parados na estante e agora prefiro assim :) Tenho duas estantes para os livros que vão chegando e partindo, e de facto cada vez uso menos a biblioteca para requisitar livros, pois felizmente estão sempre a chegar cá a casa, por isso esta minha vontade de partilhar com aqueles que não têm esta opção e assim dar o meu contributo ;)

      No entanto ADORO visitar as bibliotecas do país e do mundo, e uso-as para ir aos eventos e outras actividades que elas nos oferecerem! :D

      Eliminar
  32. Por acaso não sou frequentador da Biblioteca de Gaia.
    Tenho sempre livros para ler que vou comprando ou recebendo de prenda/oferta. Não tenho é tempo que gostaria para ler mas com a família, as actividades desportivas dos putos e 2 cães fica complicado.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Por acaso a biblioteca estive para ir a semana passada à biblioteca de Gaia, mas já não deu tempo...

      Eliminar
  33. Não tenho por hábito usar a biblioteca pública da minha cidade.

    ResponderEliminar

★ Todos os comentários são muito importantes, são o que dão vida a este blog. Obrigada por comentar e assim fazer parte deste espaço! ★
↧↧ ↧↧ ↧↧
✉ Para receber a minha resposta, clique ✔ em Notificar-me ☑